Ialorixá da Baixada Fluminense recebe condecoração da Alerj por trajetória de luta social
with Nenhum comentário

Matéria publicada no dia 6 de maio de 2017 pelo site do Extra Uma promessa feita para a avó materna, aos 8 anos, à sombra de um cajueiro, é seguida com afinco por uma das ialorixás mais antigas da Baixada Fluminense. Aos 86 anos de vida e 61 de iniciada no candomblé, Beatriz Moreira da Costa, a Mãe Beata de Iemanjá, de Nova Iguaçu, tem uma longa história de defesa dos direitos humanos. O trabalho está sendo reconhecido. Às vésperas do … leia mais…